5.4.08

Aprovado projeto do passe livre estudantil em Corumbá

3 de abril de 2008Aprovado projeto do passe livre estudantil em Corumbá

O documento foi aprovado sem emendas e recebeu elogios de todos os parlamentares que ocuparam a tribuna

Com o plenário da Câmara lotado de estudantes, os vereadores de Corumbá, no Mato Grosso do Sul, aprovaram em sessão desta quarta-feira (2) por unanimidade o projeto de lei que garante o passe livre aos estudantes da educação infantil, ensinos médio, fundamental e superior dos estabelecimentos da rede pública. O documento foi aprovado sem emendas e recebeu elogios de todos os parlamentares que ocuparam a tribuna.

Para o presidente da UBES, Ismael Cardoso, a aprovação representa uma grande vitória para os estudantes. "É excelente a iniciativa de elaborar um projeto de lei que beneficia a classe estudantil. Realizações dessa natureza vão ao encontro das políticas desenvolvidas pela UNE e a UBES, na defesa dos interesses do estudante brasileiro", reafirmou.

Para receber o benefício os estudantes terão que se adequar a uma série de critérios, como morar até dois mil metros da instituição de ensino. Para o vice-presidente da União Corumbaense de Estudantes (UCE) a aprovação é uma conquista dos estudantes e vai beneficiar não só os corumbaenses, mas também ladarenses que estudam na cidade. "Acreditamos que ainda este ano poderemos estar usufruindo do benefício", destacou.

O vereador Antonio Viana afirmou que este é um momento histórico para a classe estudantil da cidade. "O projeto foi amplamente discutido por toda a sociedade e penso que o peso de ter sido enviado pelo Executivo garantiu a aprovação dos outros vereadores e sem emendas", reforçou.
O prefeito tem 60 dias para sancionar a lei. Ele adiantou que a sanção deve ser feita em um ato simbólico com as presenças da presidente da UNE, Lúcia Stumpf e de Ismael Cardoso, presidente da UBES.

Corumbá possui hoje cerca de 30 mil estudantes na rede pública de ensino (estadual e municipal) e, com a proposta do passe livre aprovada na Câmara, será a quarta cidade de Mato Grosso do Sul a oferecer o benefício. Atualmente, concedem o passe Campo Grande, Ponta Porã e Dourados.

Da Redação
Com Portal
Mídia Max News


www.une.org.br

Nenhum comentário: